DILÚVIO – SISTEMA CONTRA INCÊNDIO



Na elaboração de projetos de engenharia contra incêndio, o DILÚVIO (WATER SPRAY) a INSIDE Engenharia de Incêndio, projeta e instala os Sistemas de Dilúvio que podem ser do tipo média e alta velocidade.

A Engenharia contra Incêndio aplicada nos dimensionamento dos sistemas Dilúvio – water spray, prevê o dimensionamento das bombas, diâmetros de tubulações e reserva de incêndio e de projetores HV de alta e média velocidade distribuídos de forma a resfriar e abafar o equipamento e impedir a entrada de oxigênio no foco do incêndio através de cortina nebulizadora.

O sistema e todo controlado por  válvula (válvula dilúvio) e sua ativação se dá através da despressurização de uma rede de sprinklers que neste sistema atuará como uma sistema detector de calor.

Ao contrário da rede de sprinklers o sistema dilúvio atuará de forma homogênea, ou seja, todos os bicos atuarão  ao mesmo tempo, dando conotação ao próprio nome do sistema (Dilúvio).

O princípio de funcionamento deste sistema é o resfriamento, abafamento e mudança do ponto de fulgor do material a ser protegido (normalmente equipamentos que possuem líquidos inflamável) com a formação de uma emulsão temporária de água.

O sistema HV é rápido na sua ação extintora e, normalmente, cessa toda a caloria entre 3 a 4 segundos. Além disso, a descarga tem a importante vantagem de filtrar à fumaça (partículas de carbono que conduzem eletricidade) e sua operação diminui a probabilidade de riscos.

A Engenharia contra Incêndio utilizada no dimensionamento dos projetores (média ou alta) será definido na concepção do projeto em função do equipamento a ser protegido e será embasado pela Norma NFPA 15.

O Sistema de Dilúvio com adição de LGE  (espuma) segue o mesmo princípio do sistema de dilúvio convencional (somente com água).

O diferencial é que após a detecção da área a ser protegida, ocorre à abertura da válvula de dilúvio que libera simultaneamente com a água o LGE (líquido gerador de espuma), aumentando a desempenho do sistema.